0 Compartilhamentos 10 Views

Trend Micro alerta: kits de vulnerabilidades são alugados no submundo para disseminar ransomwares

28 de novembro de 2016

Um levantamento realizado pela empresa de segurança Trend Micro apurou que exploit kits (kits de vulnerabilidades) estão sendo alugados e até vendidos no submundo do crime digital, gerando grandes lucros.

O estudo “Exploits como um Serviço (EaaS)” revela que mais de 209 milhões de dólares foram extorquidos de grandes empresas apenas no primeiro trimestre desse ano.

Um EaaS pode ser alugado por hora, dia ou mês e os arquitetos do ataque ficam responsáveis pela criação e hospedagem da ferramenta. De acordo com a empresa, atualmente 18% de famílias conhecidas de ransomware são disseminadas via Exploit Kits. Por meio do Exploit Kit Blackhole, por exemplo, o ransomware CryptoLocker atingiu vítimas no mundo todo: 64% dos alvos baseados nos Estados Unidos, 11% no Reino Unido e 6% no Canadá.

A pesquisa também aponta os motivos para os Exploit Kits serem tão eficazes na distribuição de inúmeros tipos de ameaças. Um dos fatores, segundo a Trend Micro, é que os exploits exigem menos ações do atacante para se aproveitar das vulnerabilidades em softwares populares. Em parceria com a Iniciativa Zero Day e a Tipping Point, foram detectadas 473 brechas em marcas conhecidas de software só no 1º semestre de 2016. O maior número de vulnerabilidades foi encontrado no Adobe Flash Player.

É um mercado muito lucrativo: a vulnerabilidade Angler, no auge de seu sucesso, aumentou o preço de US$3.500 para US$7.000/mês para ser explorada por criminosos.

Você pode se interessar

Polícia Federal não consegue quebrar criptografia de dois documentos de propina
Notícias
27 visualizações
Notícias
27 visualizações

Polícia Federal não consegue quebrar criptografia de dois documentos de propina

Carlos L. A. da Silva - 10 de outubro de 2017

Durante oito dias de ataque ininterrupto de força bruta, foram testadas 810 bilhões de combinações de senha, sem sucesso.

Microsoft mata o Windows Media Player
Notícias
20 visualizações1
Notícias
20 visualizações1

Microsoft mata o Windows Media Player

Carlos L. A. da Silva - 10 de outubro de 2017

Assim como fez com o Paint, programa será removido do Windows 10 na Fall Creators Update e se tornará opcional para usuários.

Western Digital quebra recorde com HD de 14TB
Notícias
33 visualizações
Notícias
33 visualizações

Western Digital quebra recorde com HD de 14TB

Carlos L. A. da Silva - 10 de outubro de 2017

Disco rígido hermeticamente fechado e preenchido com gás hélio poderia armazenar quase 3000 filmes com qualidade HD, mas preço ainda não foi divulgado.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Mais publicações