0 Compartilhamentos 12 Views

GTMetrix: análise e dicas para melhorar a velocidade de carregamento do seu site

13 de outubro de 2016

A velocidade de carregamento de um website é essencial. Ou, melhor dizendo, é essencial contar com páginas que não demoram uma eternidade para carregar. Um site que demora muito para carregar não é lá muito saudável. Além de possíveis problemas junto aos motores de busca (principalmente o Google), sabemos que os visitantes desistirão de conhecer e acessar seu conteúdo caso seu site demore muito para carregar.

Obs: obviamente, também temos de nos lembrar de que a velocidade poderá ser maior ou menor para cada um dos visitantes, dependendo da conexão deles com a internet, dos dispositivos utilizados, etc.

Diversos fatores podem influenciar na maior ou na menor velocidade de carregamento. Vários deles estão ligados ao servidor, ao hardware do mesmo, aos recursos instalados e disponíveis, a possíveis sobrecargas, etc.

Vários, também, estão ligados à maneira como o próprio site foi desenvolvido, às tecnologias e ferramentas utilizadas, às otimizações realizadas (ou à ausência delas). Detectar onde está o problema é essencial, bem como corrigi-lo.

Existem algumas ferramentas bem interessantes neste sentido, as quais podem fornecer um insight valioso. Uma delas é o Pingdom. E existe também o GTMetrix.

GTMetrix

O GTMetrix é uma ferramenta online gratuita e extremamente útil. À partir do fornecimento da URL, o serviço fornece não apenas o tempo de carregamento do site, mas também uma série de informações e recomendações valiosíssimas aos webmasters e desenvolvedores em geral.

Logo de início, o site confere uma pontuação à página, com base em seu banco de dados (levando em consideração todas as análises já realizadas). Ele também indica o tempo total de carregamento (em segundos) e o peso da página (em MB), além do número de requests realizadas.

Logo mais abaixo, entretanto, o GTMetrix fornece uma série de recomendações com base na análise recém realizada (cada uma delas também com sua respectiva pontuação, a qual, é claro, serve para dar uma ideia bem clara e rápida a respeito das prioridades).

Todas as recomendações feitas, além disso, são exibidas em ordem de prioridade: das mais críticas para as menos críticas. Cada um dos itens/recomendações pode ser expandido, para que o webmaster confira maiores detalhes, incluindo endereços exatos onde os possíveis problemas acontecem.

Dentre as recomendações exibidas após a análise (cada uma delas com as respectivas indicações de ausência do recurso/tecnologia/facilidade/otimização), temos, por exemplo, compressão gzip, redirecionamentos, caching, otimização de imagens, minimização CSS, etc.

O GTMetrix também permite o download de um relatório completo com todos os detalhes da análise realizada (acesse no lado direito da tela – botão “Download PDF”), além de possibilitar a comparação de resultados (acesse através do botão “Compare” – no lado direito da tela).

Através do “Compare”, é possível especificar uma segunda URL e então, após a devida análise, conferir todos os dados lado a lado, para comparação.

Vale ressaltar que todos os recursos são gratuitos, e não existe nem mesmo a necessidade de registro/login. Entretanto, caso você decida se registrar, algumas opções interessantes são liberadas.

E uma delas tem a ver com o local a partir do qual os testes são realizados. Assim, e até mesmo para evitar/testar diferentes situações envolvendo a latência, é possível escolher servidores (e realizar os testes) em um dos seguintes países:

  • Canadá;
  • Brasil;
  • Austrália;
  • Índia;
  • Reino Unido;
  • China;
  • Estados Unidos;

O GTMetrix também mantém uma página com os 1000 sites mais rápidos da web.

[button color=”black” size=”medium” link=”https://gtmetrix.com/” target=”blank” ]Clique aqui para visitar e utilizar o GTMetrix[/button]

Você pode se interessar

Startup catarinense traz mesa interativa para o Dia das Crianças
Notícias
7 visualizações
Notícias
7 visualizações

Startup catarinense traz mesa interativa para o Dia das Crianças

Carlos L. A. da Silva - 10 de outubro de 2017

Tecnologia da PlayTable é aposta para espaços recreativos em lojas, com jogos educativos para a garotada. Confira o vídeo!

Assistente virtual do Facebook Messenger agora entende Português
Notícias
6 visualizações
Notícias
6 visualizações

Assistente virtual do Facebook Messenger agora entende Português

Carlos L. A. da Silva - 10 de outubro de 2017

Sistema de Inteligência Artificial M age discretamente, se adapta ao usuário e só interfere em conversas quando detecta que pode oferecer sugestões,

Microsoft compra por 15 anos toda a energia gerada por fazenda de vento
Notícias
7 visualizações
Notícias
7 visualizações

Microsoft compra por 15 anos toda a energia gerada por fazenda de vento

Carlos L. A. da Silva - 10 de outubro de 2017

Complexo instalado pela General Electric na Irlanda é capaz de gerar 37-megawatt de energia e servirá para impulsionar serviços de computação em nuvem da Microsoft.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Mais publicações

Mark Zuckerberg usou Realidade Virtual para visitar Porto Rico
Notícias
8 visualizações
8 visualizações

Mark Zuckerberg usou Realidade Virtual para visitar Porto Rico

Carlos L. A. da Silva - 10 de outubro de 2017
Microsoft mata o Windows Media Player
Notícias
23 visualizações1
23 visualizações1

Microsoft mata o Windows Media Player

Carlos L. A. da Silva - 10 de outubro de 2017
Western Digital quebra recorde com HD de 14TB
Notícias
37 visualizações
37 visualizações

Western Digital quebra recorde com HD de 14TB

Carlos L. A. da Silva - 10 de outubro de 2017