0 Compartilhamentos 8 Views

Como instalar o Bash do Linux no Windows 10

23 de agosto de 2016

A “Atualização de Aniversário do Windows 10” (ou “Windows 10 Anniversary Update”) finalmente chegou. Quer dizer, muitos usuários podem ainda não tê-la recebido, e neste caso, uma boa ideia é tentar forçar o update.

Para isto, basta acessar este site (da própria Microsoft), baixar a ferramenta “Assistente de Atualização do Windows 10” e executá-la. Lembre-se, porém, de que o processo poderá demorar bastante, portanto, opte por fazê-lo nos momentos mais oportunos, com menos trabalho/carga.

A “Atualização de Aniversário do Windows 10” trouxe uma série de novidades, e você pode também dar uma olhada neste nosso artigo a respeito, para ficar por dentro:

Uma das novidades introduzidas pelo update, aliás, é o Bash do Linux. Sim, estamos falando da famosa e adorada (por muitos odiada) linha de comando do Linux, e através do recurso, software Linux poderá ser executado dentro do Windows 10 (algo, de certa forma, oposto ao que obtemos com o Wine).

Trata-se, aliás, de um recurso introduzido no sistema operacional mediante uma parceria entre a Microsoft e a Canonical (empresa por traz da distribuição Ubuntu); o recurso é, também, baseado no Ubuntu.

Entretanto, o Bash do Linux não é ativado por padrão no Windows 10. E neste artigo vamos te ensinar a ativá-lo. Vamos lá:

1) Antes de qualquer coisa, você precisa ter certeza de que a “Atualização de Aniversário do Windows 10” foi instalada no seu computador. É preciso ter certeza de que você possui o build 14316 do sistema operacional. Além disso, vale ressaltar que o recurso está disponível apenas nas versões de 64 bits do OS. Feitas estas verificações, vamos ao passo seguinte;

2) Clique no menu “Iniciar” e vá em “Configurações”;

3) A seguir, no aplicativo “Configurações”, vá em “Atualização e segurança”:

Windows 10 - Bash Linux

4) Na tela seguinte, vá em “Para desenvolvedores” e marque a opção “Modo de desenvolvedor”:

Windows 10 - Bash Linux

Confirme, a seguir, a ativação do “modo desenvolvedor” e aguarde a instalação dos respectivos pacotes.

Obs: talvez seja necessário reiniciar a máquina.

5) Clique novamente no menu “Iniciar” e digite o seguinte (sem aspas) na caixa de busca:

“ativar ou desativar recursos do windows”

6) Assim que o atalho for exibido, clique nele com o botão esquerdo do mouse;

7) A seguir, na janela “Recursos do Windows”, localize o item “Subsistema do Windows para Linux (Beta)” (ou então, “Windows Subsystem for Linux – Beta”):

Windows 10 - Bash Linux

8) Marque a opção, clique em OK e aguarde o término da instalação do recurso;

Obs: poderá ser necessário reiniciar o computador logo a seguir;

Obs 2: antes da primeira execução do Bash, será necessário aceitar os Termos do Serviço;

9) Pronto! O Bash do Linux foi instalado no seu Windows 10! Para “chamá-lo”, simplesmente clique no botão “Iniciar” e, na caixa de busca, digite “bash” (sem aspas), utilizando então o atalho exibido.

Você pode se interessar

Polícia Federal não consegue quebrar criptografia de dois documentos de propina
Notícias
27 visualizações
Notícias
27 visualizações

Polícia Federal não consegue quebrar criptografia de dois documentos de propina

Carlos L. A. da Silva - 10 de outubro de 2017

Durante oito dias de ataque ininterrupto de força bruta, foram testadas 810 bilhões de combinações de senha, sem sucesso.

Microsoft mata o Windows Media Player
Notícias
21 visualizações1
Notícias
21 visualizações1

Microsoft mata o Windows Media Player

Carlos L. A. da Silva - 10 de outubro de 2017

Assim como fez com o Paint, programa será removido do Windows 10 na Fall Creators Update e se tornará opcional para usuários.

Western Digital quebra recorde com HD de 14TB
Notícias
33 visualizações
Notícias
33 visualizações

Western Digital quebra recorde com HD de 14TB

Carlos L. A. da Silva - 10 de outubro de 2017

Disco rígido hermeticamente fechado e preenchido com gás hélio poderia armazenar quase 3000 filmes com qualidade HD, mas preço ainda não foi divulgado.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Mais publicações