Arquivos de Tag: SAP

Utilização de DLLs por programas ABAP

Informação fornecida por Alexandre Alves. Utilizar um componente (DLL) é fácil: 1 - Crie a DLL 2 - Registre em um servidor "acessível" (mantenha a compatibilidade binária ao gerá-la) 3 - Registre no R/3 (transação SOLE) 4 - Faça um programa em ABAP. Exemplo: Este componente tem um método chamado OLA que recebe uma string e devolve outra. No ABAP, a chamada seria assim: report zaledll . include ole2incl. start-of-selection. data oble type ole2_object. create object oble 'ALE'. data: x(255). call method of oble 'OLA' = x exporting #1 = 'teste 123'. write x. free object oble. end-of-selection. Leia Mais »

Tratamento automático após a criação de documento de FI

Informação fornecida por Sidney Oliveira. Para realizar qualquer tratamento automático logo após a criação de um documento de FI, seguir os passos abaixo: 1. Criar uma regra de validação com o Pressuposto que melhor se encaixar nas necessidades, e tendo como execução uma EXIT de Regra de Validação; 2. Nos EXIT da Regra de Validação indicado acima, executar um PERFORM ... ON COMMIT, para que o FORM seja executado apenas no momento em que o comando COMMIT WORK for executado para a LUW corrente; 3. No FORM indicado acima, obter os dados do documento recém criado através do comando GET PARAMETERS para os parâmetros BUK, BLN e GJR, e executar a chamada a uma função de tratamento com estes dados como parâmetros e a utilização da cláusula IN UPDATE TASK no comando CALL FUNCTION, para que esta seja executada após a gravação física do banco de dados. 4. Na função chamada no item anterior fazer o tratamento que for necessário. Leia Mais »