Microsoft bane emuladores de jogos da Windows Store

A Microsoft mudou a Política de Uso e baniu todos os aplicativos de emulação da Windows Store nessa semana.

De acordo com os novos termos de uso da loja virtual, “aplicativos que emulam um sistema de jogo não são permitidos em nenhuma família de dispositivo”.

A ausência mais notável é do Universal Emulator da Nesbox, um dos mais notáveis aplicativos de emulação que até então estava marcando presença na Windows Store, devidamente adaptado para rodar no Windows 10. O programa é capaz de fazer com que jogos antigos desenvolvidos para consoles descontinuados rodem perfeitamente em sistemas modernos e seu código fonte foi aberto pelo seu desenvolvedor, que confirmou o banimento da loja da Microsoft.

Apesar da mudança de política da Microsoft, os aplicativos desse tipo continuam rodando normalmente no sistema operacional, desde que sejam baixados de outros endereços. Até o momento, a empresa não bloqueou o Windows 10 por padrão para aplicativos de fora da Windows Store, embora haja uma movimentação nesse sentido, pelo menos para administradores de sistema.

Com a medida, a Google Play se torna a única loja para dispositivos móveis que ainda tolera a polêmica distribuição de emuladores de jogos. Esse tipo de aplicativo também está proibido na App Store da Apple.

Queremos saber sua opinião