Kotlin se tornará uma linguagem oficial do Android

O Google anunciou durante a conferência para desenvolvedores I/O 2017 na semana passada que o Kotlin passará a ser uma linguagem oficial da plataforma Android.

Em breve, desenvolvedores do mundo todo poderão desenvolver aplicativos de primeira classe para o ambiente móvel do Google usando a linguagem de programação criada pela JetBrains.

O anúncio marca a consolidação de uma longa parceria entre as duas empresas, uma vez que a JetBrains é responsável pela IDE na qual foi baseado o Android Studio, principal ferramenta utilizada por desenvolvedores de aplicativos para Android. A partir da versão 3.0 da ferramenta, já haverá suporte nativo ao Kotlin. Para Maxim Shafirov, CEO da JetBrains, “isso significa mais bibliotecas e ferramentas desenvolvidas em e para Kotlin, mais experiências compartilhadas, mais ofertas de empregos envolvendo Kotlin, mais material de aprendizado publicado, e por aí vai”.

“Quando nós começamos essa jornada com o Kotlin mais de seis anos atrás, nós almejamos criar uma linguagem que estaria alinhada com os mesmos princípios de direcionam nossas ferramentas – criar algo que auxilie os desenvolvedores com tarefas mundanas e tediosas, permitindo que eles foquem no que é verdadeiramente importante”, afirmou Shafirov no comunicado oficial.

Ainda segundo o executivo, Google e a JetBrains irão se unir para criar uma entidade não-lucrativa para administrar o futuro do Kotlin. Todo o time de desenvolvimento da linguagem será mantido e seguirá operando normalmente. Essa aliança tampouco significa que o Kotlin estará limitado ao Android e a linguagem seguirá sendo multiplataforma.

Queremos saber sua opinião