HTC Vive vende mais de 15 mil unidades nos primeiros 10 minutos de vendas

Surpreendendo a todos, até mesmo os seus desenvolvedores, a pré-venda do HTC Vive recebeu 15 mil encomendas de unidades nos primeiros 10 minutos que as vendas abriram.

A pré-venda do dispositivo de Realidade Virtual iniciou ontem, com um preço considerado salgado por analistas e 33% maior que seu principal rival, o Oculus Rift.

Apesar da barreira dos US$799 e da necessidade de um PC turbinado para operar o gadget, a pré-venda se revelou um sucesso inesperado. A própria CEO da empresa, Cher Wang, informou pelo Twitter a marca e classificou as vendas como uma “avassaladora resposta” dos consumidores.

As primeiras unidades do HTC Vive devem sair da fábrica somente em 5 de Abril, o que abre espaço para um crescimento ainda maior nas vendas. O Oculus Rift, solução concorrente para Realidade Virtual comprada pelo Facebook, também apresentou um resultado expressivo em sua pré-venda, com o estoque inicial se esgotando em 14 minutos de vendas.

Tudo indica que, apesar do preço de entrada, a tecnologia tem potencial para se tornar o assunto do ano, ainda que restrita aos early adopters. Com o sucesso desse primeiro momento, analistas acreditam que os dispositivos possam passar para uma próxima fase, de redução de custos de produção e popularização, com preços menores para os consumidores em geral.

Queremos saber sua opinião