Google Street View visita a Estação Espacial Internacional

A partir de agora você não precisa ser o astronauta brasileiro Marcos Pontes para conhecer a Estação Espacial Internacional, graças ao Google Street View.

Indo audaciosamente onde nenhum serviço de mapeamento jamais foi, o Google conseguiu capturar em 360º uma visão completa do interior dos 15 módulos conectados que orbitam nosso planeta.

Essa é a primeira vez em seus dezesseis anos de operação que a Estação Espacial Internacional é exposta de uma forma tão imersiva para o grande público. Cada um dos módulos está sendo exibido em seus mínimos detalhes e o usuário pode navegar na direção que quiser, com direito a pontos explicativos sobre a função de diversos equipamentos presentes em órbita e a rotina dos astronautas à bordo. O resultado é de tirar o fôlego, com direito a janelas mostrando nosso planeta na distância.

Naturalmente, não foi possível subir com o equipamento completo utilizado pelo Google para mapear regiões do planeta e filmar em primeira pessoa. O Google precisou trabalhar em parceria com a NASA e o Centro Espacial Marshall para desenvolver tecnologias novas de registro e contar com a colaboração do astronauta Thomas Pesquet, da Agência Espacial Europeia, para realizar os registros internos da Estação.

“Nós fizemos um bocado de testes antes de coletar as imagens finais que você vê hoje no Google Street View”, explicou Pesquet. “A ISS tem equipamento técnico em todas as superfícies, com muitos cabos e um layout complicado com módulos saindo em todas as direções – esquerda, direita, para cima, para baixo. Tem muitos obstáculos lá em cima, e nós tínhamos um tempo limitado para capturar as imagens, então nós tínhamos que ter confiança que nossa abordagem funcionaria”, completa o astronauta. E brinca: “Ah, e tinha todo aquele lance de gravidade zero”.

Queremos saber sua opinião