Google Earth prepara viagem pela Floresta Amazônica

O Google segue empenhado em tornar o Google Earth uma ferramenta de descobertas: depois de explorar a crise na Síria, a trajetória dos Beatles e até a fantasia de Harry Potter, agora é a vez de virar o olhar para a Floresta Amazônica.

Usando o recurso Voyager do Google Earth, projeto “I Am Amazon” mergulha na floresta tropical e conduz o usuário por seus mistérios, suas maravilhas e seus habitantes.

A iniciativa é fruto da parceria da empresa norte-americana com o cineasta e produtor Fernando Meirelles (de Cidade de Deus) e o Instituto Socioambiental e traz depoimentos da população ribeirinha do Rio Amazonas, quilombolas e indígenas, além de visão em 360º de vários pontos da floresta, mapeamento completo da região, informações atualizadas sobre a flora e a fauna locais e muito mais. Foram dez anos de pesquisa para a produção dessa experiência multimídia. Confira o trailer:

O primeiro passo para a criação dessa jornada aconteceu em 2007, quando o Chefe Almir, líder da nação indígena Paiter Suruí, descobriu o Google Earth e enxergou ali uma poderosa arma para preservar as tradições do seu povo e fazer valer sua importância aos olhos do mundo. Ele conseguiu entrar em contato com o Google e foi o responsável pelo primeiro projeto de mapeamento do desmatamento da região conduzido por uma comunidade indígena. De lá para cá, o Google seguiu documentando mais de 30 povos diferentes e a dinâmica da Floresta Amazônica.

“Para muitas pessoas ao redor do mundo, a Amazônia é uma misteriosa terra distante de florestas impenetráveis, rios majestosos e povos indígenas”, afirma o Google. “Mas o que muitos de nós não percebem é que todos temos uma conexão com a Amazônia – através do ar que respiramos, da água que irriga o alimento que consumimos, dos ingredientes naturais dos remédios que usamos, ou dos padrões alternados de clima que nós experimentamos ao redor do globo”.

Queremos saber sua opinião