Google e Facebook declaram guerra às notícias falsas na França

O Google e o Facebook se uniram a uma coalizão de empresas de mídia na França para identificar e barrar a divulgação de notícias falsas na internet.

Batizada de CrossCheck, o objetivo desta aliança é  impedir crescimento de boatos políticos e rumores infundados durante campanha eleitoral no país.

Publicações locais como Le Monde, Agence France-Presse (AFP), France Télévisions, BuzzFeed, Global Voices e Les Echos fazem parte desta iniciativa que pretende dar ao eleitor francês “um sentido sobre o que e quem confiar em suas linhas do tempo das mídias sociais, buscas na web e consumo online de notícias de uma forma geral”, segundo explicou o representante do escritório do Google Labs da França, David Dieudonné.

De acordo com a proposta da CrossCheck, “boatos, rumores e falsas afirmações serão rapidamente desmentidos ou histórias confusas denunciadas com precisão”. Dieudonné também alertou que “com a eleição presidencial francesa se aproximando, jornalistas de toda a França e além irão trabalhar juntos para encontrar e verificar conteúdo circulando publicamente online, quer seja na forma de fotografias, vídeos, memes, comentários ou sites noticiosos”.

Queremos saber sua opinião