Descubra como foi ano open source no GitHub Octoverse 2016

O site open source GitHub divulgou o seu Octoverse 2016, um levantamento geral de sua comunidade nos últimos 12 meses.

Cruzando dados de contribuições e conteúdo publicado na plataforma, é possível saber quais são as tendências, as linguagens que mais cresceram no período, assim como quais empresas mais contribuíram para o cenário open source.

E tem até espaço para algumas revelações. Ou você imaginaria que a Microsoft seria justamente a empresa que mais investiu no GitHub, com a participação de 16.419 contribuidores? Logo atrás, vem o Facebook, com a presença de 15.682 participantes. Entre esses estão usuários que publicaram códigos na plataforma, abriram questões ou comentaram, além de revisores de código e criadores de forks de códigos já existentes no site.

Entre os diretórios de códigos mais populares no GitHub, ou seja, aqueles que mais receberam uma estrela de seus usuários, estão desde o conjunto de códigos utilizados para o voo da Apollo 11 para a Lua, liberado pela NASA, que vem lá de 1969, até o recentíssimo diretório de Swift, aberto pela Apple no final do ano passado. O Octoverse 2016 até produziu uma representação visual desses diretórios populares:

Apesar de servir de depósito para projetos em 316 linguagens de programação diferentes, o GitHub testemunhou um crescimento astronômico nos últimos doze meses do JavaScript em números de publicações. A linguagem dobrou sua presença na plataforma de um ano para outro e agora responde por 1.604.219 entradas de código na biblioteca. Ainda que esteja em 14º lugar no volume de projetos, o Swift apresentou a maior taxa de crescimento: 219% em relação ao mesmo período em 2015, certamente impulsionada pela iniciativa da Apple de abrir o código da linguagem.

Essas e outras informações estão disponíveis no painel completo do Octoverse 2016 online.

 

Queremos saber sua opinião