Apple vai doar iPads para 50 mil estudantes e 1.500 professores nos Estados Unidos

Há uma batalha em andamento no sistema educacional norte-americano entre o Surface da Microsoft e o Chromebook do Google e a Apple acaba de entrar na luta com força total.

A empresa anunciou que está doando iPads para 50 mil estudantes e 1.500 professores de 114 escolas da rede de ensino pública dos Estados Unidos que fazem parte do programa ConnectED.

O ConnectED foi criado durante a administração de Barack Obama e consiste em uma força-tarefa entre o governo e empresas do setor privado para levar a tecnologia à escolas que ainda não tinham entrado na era digital. O projeto foi colocado em andamento em 2013 e a Apple esteve presente desde o início assessorando sua implementação. Agora, a empresa se comprometeu com um largo volume de dispositivos móveis, além de treinamento para professores, auxílio na montagem da infraestrutura de rede e suporte técnico.

A Apple também anunciou o projeto Everyone Can Code, que visa ensinar programação em Swift para jovens. De acordo com Tim Cook, CEO da empresa, “todo estudante deveria ter a oportunidade de codificar”, um mote que já foi defendido por Barack Obama e que também está por trás da iniciativa Hora do Código. O projeto da Apple utilizará o aplicativo Swift Playgrounds, revelado durante a última WWDC, que ensina de uma forma lúdica os princípios da linguagem de programação adotada no iOS.

Com 100 instrutores espalhados por diferentes escolas, a Apple pretende levar o Swift para o currículo de estudantes nos Estados Unidos.

Queremos saber sua opinião