Adobe corrige seis vulnerabilidades críticas no Flash Player

A Adobe lançou sete correções para o Flash Player nessa terça-feira (14), seis delas para vulnerabilidades classificadas como críticas e que poderiam levar a execução remota de código.

Segundo a empresa, por enquanto não há relatos de que as brechas de segurança tenham sido utilizadas em ataques mas a recomendação é que os usuários atualizem imediatamente.

Os boletins de segurança divulgados apontam que falhas de segurança estão presentes em todas as versões do plugin do Flash anterior à versão 24.0.0.221 nos sistemas Windows, Mac, Linux e  Chrome OS. Essas brechas vão de corrupção de memória a buffer overflow e podem ser empregadas para executar código arbitrário e provocar a instalação de malware nos sistemas. Há também uma vulnerabilidade que afeta o Shockwave Player e foi corrigida nessa terça-feira.

Como é de praxe, com a divulgação das correções, os usuários devem aplicar as atualizações o mais rápido possível para se manterem à frente de eventuais ataques que possam ser realizados através destas vulnerabilidades.

Queremos saber sua opinião