Como adicionar uma conta de administrador ao WordPress via FTP

O que fazer quando um cliente pede para você alterar um site feito em WordPress mas não cria uma conta de administrador para você?

O caminho mais natural seria solicitar uma conta de administrador, é claro, mas muitas vezes o cliente não entende nada de internet, quem fez o site foi outra pessoa, ninguém mais tem acesso ou até mesmo um invasor entrou no WordPress e apagou todas as contas de administrador.

Enfim, não importa o motivo tudo que você tem é uma senha de acesso FTP e você precisa entrar no WordPress.

Antes de mais nada, você irá precisar de duas coisas: um cliente de FTP e, pelo menos, um Bloco de Notas (ou um outro programa para editar códigos). Existem muitas soluções de FTP gratuitas no mercado (e até online) e um Bloco de Notas ou equivalente qualquer sistema operacional possui nativamente, então prossigamos.

Use seus dados de acesso FTP para entrar na raiz do site e navegue até a pasta /wp-content/themes/o-nome-do-seu-tema/ e procure pelo arquivo functions.php. Baixe ele localmente e abra-o no seu editor.

Ao final de todo o código que já aparece no arquivo, coloque o seguinte código adicional:

function wpb_admin_account(){
$user = 'usuario';
$pass = 'senha';
$email = 'seuemail@seudominio.com';
if ( !username_exists( $user )  && !email_exists( $email ) ) {
$user_id = wp_create_user( $user, $pass, $email );
$user = new WP_User( $user_id );
$user->set_role( 'administrator' );
} }
add_action('init','wpb_admin_account');

Onde, é claro, você precisará especificar um nome de usuário, uma senha (segura) e um endereço de email válido.

Agora, salve o arquivo e faça o upload para o mesmo lugar, sobrescrevendo o arquivo functions.php que se encontra no servidor.

Agora, você poderá acessar a área de administração do site no WordPress e entrar com a combinação de usuário e senha que você criou. Não se esqueça de fazer o processo inverso depois: baixe novamente o arquivo functions.php e remova as instruções de criação do novo usuário, uma vez que ela não é mais necessária (o usuário já está permanentemente criado) e a função não precisa mais ser executada toda vez que alguém navegar pelo site.

Queremos saber sua opinião